Twitter
Twitter
Twitter

Ouvidoria Itinerante chega à 100ª edição

11/10/2017 - Ares PCJ

A Ouvidoria Itinerante da ARES-PCJ atinge em outubro a marca de 100 visitas. O trabalho, que teve início há três anos e já realizou aproximadamente 5700 atendimentos, consiste em levar aos municípios associados e conveniados, em praças públicas ou junto ao atendimento dos prestadores de serviço, a divulgação do trabalho da agência e de informações sobre como utilizar sua ouvidoria. A centésima edição acontece em Campinas no dia 17 de outubro, na Praça Rui Barbosa, das 10h às 16h.

A atividade foi realizada ao longo do primeiro ciclo passando por praças com grande circulação de pessoas em praticamente todos os municípios associados e conveniados à ARES-PCJ, com autorização das respectivas prefeituras e participação de representantes dos prestadores de serviço. Foram realizadas na ocasião 35 edições, algumas com mais de um município visitado no mesmo dia, num total de 1985 atendimentos.

No segundo ano, a proposta foi testar se o alcance da atividade seria maior, com mais atendimentos, se a Ouvidoria Itinerante estivesse localizada na sede de atendimento ao público dos prestadores de serviço, afinal, nelas a população estaria mais predisposta a obter informações sobre a regulação do saneamento básico e como ela influencia a sua vida, do que caminhando no centro da cidade rumo ao banco, por exemplo. Foram mais 34 visitas e 1789 atendimentos, que permitiram diagnosticar as particularidades da comunidade de cada município: em alguns há mais efetividade na praça e, em outros, no atendimento do prestador. E vice-versa.

Desta forma, o terceiro ano de atividades, que ocorre ao longo de 2017 e já teve 27 visitas e 1927 atendimentos, caminha para ser o mais produtivo até aqui, alternando os locais de realização conforme o perfil do município. E os resultados não são apenas os do próprio evento itinerante, mas na procura pela ouvidoria da Agência Reguladora PCJ ao longo do ano todo: em 2014 foram 2.512 contatos; em 2015, mais de 5.000; e em 2016, o número de buscas pelo serviço chegou a 8.000.

COMO USAR – A Ouvidoria da ARES-PCJ deve ser acionada pelo usuário dos serviços de saneamento nos casos em que o mesmo tenha aberto um chamado junto ao prestador de serviços de sua cidade, porém não tenha obtido o retorno, ou ainda, não concorde com o mesmo. A Ouvidoria também atua como segunda instância de recurso no caso de recebimento de multas por infrações cometidas.

Para o registro da solicitação na ARES-PCJ é obrigatória a apresentação, portanto, do protocolo da solicitação original feita junto ao prestador de serviços do município em questão. O usuário pode fazer contato por meio do telefone gratuito 0800 77 11445, do aplicativo WhatsApp pelo (19) 99954-2370, ou ainda pelo e-mail ouvidoria@arespcj.com.br. A manifestação registrada recebe um novo número de protocolo, que terá o acompanhamento da Ouvidoria até a resposta ao solicitante.

Ao ser registrada na Ouvidoria da ARES-PCJ, a manifestação é analisada e, posteriormente, encaminhada ao prestador de serviços. Cada prestador de serviços dos municípios associados e conveniados tem um funcionário designado pelo dirigente máximo da instituição para tratar internamente as manifestações e manter o contato com a ARES-PCJ. O prazo para o retorno da manifestação é de 10 dias, que podem ser prorrogados por mais 5 em função da complexidade ou necessidade de levantamento de informações, a pedido do prestador de serviços.

 
  • 10.964
    seguidores
  • 1564
    análises de água
  • 59
    municípios associados
  • 100
    ouvidorias itinerantes
  • 2575
    inspeções em fiscalizações
  • Telefones ARES-PCJ |  19 3601-8962    |    19 3601-8962    | OUVIDORIA 0800 77 11445 / (19) 99954-2370

ARESPCJ 2015. Todos os direitos reservados.

Cereja.in